Guisado de carne de vaca (Beef Stew)

Olá!

Antes de mais, feliz ano novo. Que os vossos desejos e sonhos sejam realizados, barreiras ultrapassadas. Desejo-vos muita saúde e amor, paciência e felicidade.

O ritual da passagem de ano, já algum tempo que não é muito especial para mim. Janto normalmente e depois vejo o fogo de artifício e o que o torna único e me deixa imensamente feliz é estar com B. Desejo o melhor dos melhores para a família e amigos e continuo a vida 🙂 Este ano fiz um jantar no dia 1 com os pais do B. Algo simples e reconfortante, perfeito para uma noite fria e chuvosa. Para mim foi a melhor maneira de começar o ano, com mais amamos. Fiz um guisado de carne de vaca e para acompanhar uns gressinos (breadsticks).

Gressino : Gressinos (do italiano grissino) são pequenos bastões torrados e secos de pão, com o tamanho aproximado de um pincel, e espessura de dedos (de onde vem o nome).

Para os  gressinos, segui uma receita italiana (só faria sentido).

Para o guisado segui a seguinte receita:

Ingredientes (15):

  • 1/4 chávena de farinha de trigo + 1 colher de sopa
  • 2 c. de chá de sal
  • 2 c. de chá de pimenta preta
  • 1 quilo de carne de vaca para guisar
  • 3 c. de sopa de óleo
  • 1 cebola, cortada em  cubos
  • 2 c. de sopa de pasta de tomate
  • 1 chávena de vinho tinto (não uso vinho na minha comida, aqui usei 1 chávena de caldo; podem usar apenas água)
  • 4 chávenas de caldo de carne (usei caldo de galinha)
  • 2 folhas de louro
  • 1 c. de chá de tomilho seco
  • 3 cenouras
  • batata q.b. (eu usei uma batata consideravelmente grande por pessoa)
  • 1 chávena de ervilhas congeladas (eu não usei)

Preparação:

  1. Antes de mais, começo por retirar a gordura da carne e depois corto em cubos, não muito pequenos.  Eu diria uns 3 a 4 cm.
  2. Numa taça, junte o 1/4 de chávena de farinha com o sal e a pimenta e mexa para ficar tudo combinadinho. De seguida, ponha a carne, já cortada dentro da taça e revista a carne com a farinha.
  3. Aqueça o óleo em uma panela grande, de fundo pesado em lume médio. Sacuda a excesso farinha da carne e adicione cerca de um terço da carne na panela. Frite até dourar tudo, cerca de 4 a 5 minutos. Retire para uma tigela grande. Repita com a restante carne em 2 lotes mais; ponha de lado.
  4. Adicione a cebola para a panela e tempere com sal e pimenta (q.b. cuidado com o sal devido ao caldo que já contém sal). Cozinhe, mexendo ocasionalmente, até ficar macio e a dourar, cerca de 5 minutos. Adicione a pasta de tomate, mexa para revestir a cebola e cozinhe até que o sabor cru fique cozinhado, cerca de 1 a 2 minutos.
  5. Polvilhe a colher de sopa de farinha e cozinhe, mexendo ocasionalmente,  cerca de 1 minuto. Despeje o vinho, raspar acima todos os bocados bronzeados do fundo da panela e cozinhe até que a mistura engrosse, cerca de 3 minutos.
  6. Retorne a carne e qualquer sucos acumulados na tigela para a panela. Adicione o caldo de carne, folhas de louro e tomilho e misture. Aumente o fogo para alto e deixe ferver. Imediatamente, reduza o fogo para baixo e cozinhe descoberto por 1 hora e 30 minutos.
  7. Corte a cenoura e as batatas em cubos grandes e adicione-as à panela (descascar as cenouras e as batatas em primeiro lugar, se desejado). Misture para combinar, tape com o testo (tampa da panela) e deixe cozinhar em lume baixo, mexendo ocasionalmente, até que os legumes e a carne fiquem tenros, por mais 30 minutos.
  8. Retire e descarte as folhas de louro. Misture as ervilhas e cozinhe descoberto até aquecido, cerca de 5 minutos. Tempere com sal e pimenta, conforme necessário.

Simples e delicioso. Sabe tão bem no Inverno, quentinho, reconfortante. Aquece a alma e a barriguinha 🙂

Para acompanhar, aqui está o processo dos gressinos.

Ingredientes:

  • 3-1/4 chávena de farinha de trigo (sem fermento)
  • 2-1/4 c. de chá de fermento
  • 2 c. de sopa de açúcar mascavado
  • 1 c. de sopa de açúcar branco
  • 1 c. de chá de sal
  • 1/4 de azeite
  • 1-1/4 de chávena de água quente (não a ferver)

Para o topping (opcional):

  • 1 c. de sopa de alho granulado
  • 1 c. de chá de sal marinho
  • 1 c. de sopa de manjericão seco
  • 5 c. de sopa de manteiga, derretida

 

Preparação:

  1. Em uma taça pequena, polvilhe o fermento sobre a água, adicione uma pitada de açúcar e deixe descansar por alguns minutos até que o fermento seja activado. (O fermento quando activado, cria uma espuma na água; se isto não acontecer é porque o fermento não está bom.)
  2. Na tigela de uma batedeira de pé equipada com um gancho de massa, adicione todos os ingredientes restantes, junte com o fermento activado, misture na velocidade média por cerca de 4 a 5 minutos ou até que você tenha uma bola suave de massa. (Se não tiver uma batedeira com um gancho para massa como eu, não se preocupe é fácil, misture os ingredientes numa taça com uma colher de pau, polvilhe a bancada e sove a massa por 5 minutos)
  3. Unte uma tigela grande com um pouco de azeite ou óleo vegetal, coloque a massa na tigela, cubra com película aderente e levedar em um local quente por cerca de uma hora e meia, ou até dobrar de tamanho.
  4. Enquanto isso, preparar duas assadeiras, alinhando-os com papel vegetal e reserve-os.
  5. Retire a massa da tigela, coloque-o sobre uma superfície enfarinhada e usando um rolo, faça um rectângulo de 12 x 15″, corte 16 tiras com um cortador de pizza.
  6. Cubra-os com uma toalha de cozinha e deixe-os descansar por cerca de 45 minutos ou até que eles levedem um pouco. Neste ponto, pré-aqueça o forno a 200ºC e misture o alho granulado, manjericão e sal marinho numa tacinha.
  7. Pincele a parte superior do pão com a manteiga derretida, polvilhe com a mistura de tempero e coloque-os no forno. (eu fiz metade com a mistura e metade simples)
  8. Coza-os por cerca de 15 minutos ou até ficar dourado na parte superior e inferior. Assim que eles saírem do forno, pincele-os com um pouco mais de manteiga e deixe esfriar um pouco antes de devorar 🙂

DSC06172DSC06175

 

Foi um jantarinho bem bom, amanhã posto a sobremesa que fiz a seguir. Espero que gostem e que façam, cozinhar não é apenas arte, é  uma forma de amar, descontrair e partilhar.

Até à próxima receita,

Beijinhos e abraços,

Rose

Advertisements

About Lucy Sophie Rose

Reacendi a paixão pela cozinha, após uma lesão que me levou a ficar em casa. Pôr a música alta, fechar a porta e cozinhar, fazer bolos, tartes, seja o que for que me apeteça fazer naquele momento. Pois é um momento só meu que irei partilhar com B. no final.
This entry was posted in Carne de Vaca, Salgados and tagged , . Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s